Papa condena terrorismo em Munique e Cabul

Papa pede perdão PoolReuters

Dirigindo-se a uma multidão na Praça de São Pedro neste domingo, Francisco exortou os fiéis a se juntarem a ele em suas orações (Foto: Divulgação)

VATICANO – O Papa Francisco condenou “atos deploráveis de terrorismo e violência” em Munique, na Alemanha, e Cabul, no Afeganistão, que causaram a morte de dezenas de pessoas nos últimos dias.

Dirigindo-se a uma multidão na Praça de São Pedro neste domingo, Francisco exortou os fiéis a se juntarem a ele em suas orações, dizendo que “mesmo que as dificuldades pareçam insuperáveis e obscureçam as perspectivas de paz e segurança, nossas orações devem ser muito mais insistentes”.

Um germano-iraniano de 18 anos de idade matou nove pessoas, a maioria adolescentes, em um ataque a tiros em um shopping em Munique na sexta-feira. No sábado, um homem-bomba matou pelo menos 80 pessoas durante uma manifestação pacífica em Cabul. Fonte: Associated Press.

(Estadão Conteúdo/ATUAL)

Seja o primeiro a comentar on "Papa condena terrorismo em Munique e Cabul"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.