Vanessa Grazziotin fica sem tempo de TV do PT e fora da coligação de David Almeida

Sinésio Campos (PT) diz que apoio à Vanessa Grazziotin será informal e não legal na eleição de outubro (Foto: Reprodução)

Da Redação

MANAUS – O presidente do Diretório Regional do PT no Amazonas, deputado estadual Sinésio Campos, afirmou que a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB) terá apoio informal dos petistas, sem o tempo de TV do PT no horário eleitoral gratuito. “A Vanessa será a candidata que o PT está apoiando ao Senado no Amazonas. Porém, não pode participar de forma legal desta coligação (com o PSB). Estaremos apoiando a candidata do PCdoB de maneira informal”, disse. Assim, Vanessa fica de fora da coligação do deputado David Almeida (PSB), candidato a governador do Amazonas em aliança com o PT.

Conforme Sinésio Campos, não existe a possibilidade de coligação entre o PCdoB e o PT porque os petistas já formalizaram a inscrição dos candidatos a cargos majoritários e proporcionais. “O desgaste, no que diz respeito a situações não resolvidas entre o PSB e o PCdoB, levou à intransigência e ao não fechamento da coligação. Agora, o PCdoB tenta um acerto com o PSB, mas não tem acordo. O PT, e principalmente o PSB, não assume esse papel”, afirmou. “Já estamos no dia 9, já houve inscrição do candidato a governador e vice-governador nessa chapa majoritária, como também a composição das chapas proporcionais que já foram entregues junto a Justiça Eleitoral. Então, os prazos já se exauriram. Qualquer tipo de movimentação política que deveria acontecer seria antes do dia 5”, completou Campos.

Mesmo com a recusa da cúpula petista no Estado em apoiar a senadora, Vanessa Grazziotin (PCdoB) chegou em Manaus nesta quinta-feira, 9, para negociar um acordo. Da tribuna do Senado, a parlamentar anunciou que teve uma excelente reunião com o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira. “Então, eu agradeço ao presidente do PSB. Estou indo a Manaus e continuaremos as tratativas lá”, disse a senadora.

O presidente estadual do PSB, Marcelo Serafim, disse que no acerto nacional com o PT não houve nenhuma imposição para apoiar Vanessa Grazziotin. O PSB entende que não seja o melhor caminho para a candidatura da senadora Vanessa. Anto é que fizemos as nossas opções e não fizemos coligação com o PCdoB, que está descartada”, afirmou Serafim. “Essa questão está superada. Não há a menor possibilidade de incluir uma outra candidatura que não esteja avalizada pelos partidos”, completou.

No início da semana, a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, afirmou que Grazziotin é a candidata do PT a senadora no Amazonas. “Já tínhamos esse compromisso há muito tempo, pela sua postura, dedicação, coragem que tem aqui. Nós não temos outra candidatura no Amazonas para o Senado”, disse Hoffmann.

Confira as declarações dos presidentes estaduais do PT e PSB:

1 Comentário on "Vanessa Grazziotin fica sem tempo de TV do PT e fora da coligação de David Almeida"

  1. Graças a DEUS tomara que todos que queiram essa VANESSA ficam fora da politica no Estado do AMAZONAS.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.