Pesquisa DMP mostra Amazonino com 21 pontos à frente de Braga

Da Redação

MANAUS – A primeira pesquisa da empresa DMP no segundo turno da eleição suplementar para escolha do governado do Amazonas mostra o candidato do PDT, Amazonino Mendes, com 21 pontos de vantagem sobre o candidato do PMDB, Eduardo Braga. Na estimulada, e considerando os votos totais, Amazonino tem 45% das intenções de voto contra 24% de Eduardo Braga.

O que chama a atenção são os votos brancos e nulos e eleitores que dizem não votar em nenhum dos candidatos: 24%, exatamente o mesmo percentual de votos de Braga. Outros 6% dos entrevistados não responderam à pergunta sobre em quem vão votar no dia 27 de agosto.

Amazonino está melhor no interior do Estado, mas vence com folga também na capital. Braga, ao contrário, perde na capital para os brancos e nulos, que somam 29% das intenções de voto.

Considerando apenas os votos válidos, ou seja, a invenção de voto nos dois candidatos, Amazonino abre larga vantagem sobre o adversário: são 65% na capital e no interior contra 35% para Braga. Uma diferença de 30 pontos percentuais.

A pesquisa foi realizada entre os dias 7 e 11 de agosto e ouviu 1.204 eleitores em todo o estado. A margem de erro é de 3 pontos percentuais e o índice de confiança é de 95%. Foi registrada no TRE-AM com o número AM 07699/2014.

Seja o primeiro a comentar on "Pesquisa DMP mostra Amazonino com 21 pontos à frente de Braga"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.