Vanessa comemora decisão do STF sobre impeachment e elogia Renan

Vanessa Grazziotin afirmou que não ha motivos para o impeachment da presidente Dilma Rousseff (Foto: Pedro França/Agência Senado)

Vanessa Grazziotin afirmou que não ha motivos para o impeachment da presidente Dilma Rousseff (Foto: Pedro França/Agência Senado)

BRASÍLIA – A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB) comemorou, na manhã desta sexta-feira, 18, a decisão do Supremo Tribunal Federal de que o Senado tem o poder de barrar o processo de impeachment mesmo que deputados aprovem a abertura. Para ela, a decisão é uma vitória da democracia e do estado democrático de direito. Em seguida, Vanessa elogiou o presidente do Senado e do Congresso Nacional, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), que “tem sido o ponto de equilíbrio do Congresso”.

“Tive orgulho de aqui estar e de ver que existe uma parcela, sim, de parlamentares, que têm compromisso não com seus interesses políticos pessoais, mas com o país. O presidente Renan Calheiros é do mesmo partido do presidente [da Câmara] Eduardo Cunha, do mesmo partido do vice-presidente da República, mas tem deixado de lado as suas questões partidárias para agir como presidente de um Poder”, afirmou a parlamentar.

No julgamento da ação movida pelo PCdoB, os ministros decidiram também que a votação para a escolha da comissão especial do impeachment deve ocorrer de maneira aberta, e não secreta como foi feito na Câmara dos Deputados.  Definiram ainda que não é admitida a inscrição de uma chapa alternativa, como ocorreu.

“Foi uma vitória. Eu não diria uma vitória nossa, nós que lutamos contra um golpe, que defendemos o mandato da presidente Dilma, mas foi uma vitória da democracia. Foi uma vitória do estado democrático de direito. Não há dúvida quanto a isso”, comemorou.

Vanessa disse que ao contrário do que a oposição tem tentado demonstrar, não há razões para o impeachment. “A oposição tentou aquela velha tática de falar uma mentira cem vezes para ela virar verdade, dizendo que todo problema na economia do Brasil era culpa da presidente Dilma e que a presidente mentiu durante as eleições e que fez isso e aquilo e que não havia nenhum elemento externo a justificar essa crise. Ora, quanta asneira”, disse a senadora.

Para retomar o crescimento, argumentou a senadora, é fundamental que o país passe por um período de calmaria política. “Se mudar de presidente, vai baixar o preço da carne? Vai baixar o preço da luz? Não! O que precisamos é de uma calmaria política, porque através da calmaria política, vamos poder resolver os problemas, ou, pelo menos, iniciar, dar os passos para que superemos essa crise”, afirmou Vanessa.

(Com informações da Agência Senado)

Seja o primeiro a comentar on "Vanessa comemora decisão do STF sobre impeachment e elogia Renan"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.