Suspeito de aplicar golpes com passagem aérea foi denunciado 55 vezes

Arcos Fonseca foi denunciado em 55 Boletins de Ocorrência por estelionato (Foto: Robson Adriano/PC-AM)

Marcos Fonseca foi denunciado em 55 Boletins de Ocorrência por estelionato (Foto: Robson Adriano/PC-AM)

Da Redação

MANAUS – Suspeito de estelionato, Marcos Rogério Ribeiro Fonseca, 39, foi preso nessa segunda-feira, 12, em Manaus. O delegado Jeff David Mac Donald disse que Fonseca negociava passagens áreas falsas. Com o golpe, ele causou prejuízo de R$ 40 mil a duas agências de viagens em Manaus. Ele era procurado pela polícia em cumprimento de mandado expedido no dia 11 deste mês pela juíza Mirza Telma de Oliveira Cunha.

Mac Donald disse que há 55 registros de Boletins de Ocorrência (BOs), além de 30 processos no TJAM (Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas) contra Marcos Fonseca por estelionato.

Com Marcos Fonseca a polícia apreendeu R$ 1,2 mil, um notebook, uma máquina de cartão de crédito, um celular, uma agenda contendo anotações e recibos das vendas de passagens áreas. Ele se passava por funcionário das agências de viagens, segundo o delegado. “Para aplicar os golpes, Marcos utilizava agências já estruturadas na cidade. Ele criou uma página em uma rede social e divulgava promoções de passagens que posteriormente eram emitidas dentro das agências. Ele seria um freelancer e levava os clientes para a loja, realizava a transação, em seguida pegava o dinheiro dos clientes e comunicava as agências que já tinha recebido o valor da passagem. As agências emitiam os bilhetes para aquele cliente, entretanto Marcos não repassava o dinheiro para as empresas. Então, as vítimas, nesses casos, eram as pessoas jurídicas”, disse Mac Donald.

Marcos já havia sido preso no dia 6 de junho de 2017, também em cumprimento a mandado de prisão preventiva pelo crime de estelionato.

Seja o primeiro a comentar on "Suspeito de aplicar golpes com passagem aérea foi denunciado 55 vezes"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.