Seduc cria comissão para apurar responsabilidades sobre dívida de R$ 2,6 milhões

Recursos da merenda escolar eram desviados por falsas associações rurais no Pará (Foto: Agência Brasil)

Aquisição de alimentos para merenda escolar é investigada ´pela Seduc (Foto: Agência Brasil)

Por Henderson Martins, da Redação

MANAUS – A Seduc (Secretaria de Estado da Educação) formou uma comissão para apurar a responsabilidade de servidores no possível reconhecimento de dívida no valor de R$ 2,6 milhões de contratos firmados no período de 2017, conforme publicação no DOE (Diário Oficial do Estado do Amazonas).

Uma das dívidas é de R$ 1,100 milhão para fornecer alimento da merenda escolar em setembro de 2017 pelas empresas RSG Comércio Atacadista de Alimento e pelo Organizador Logístico Ltda. Outra comissão é para apurar dívida de R$ 1,255 milhão também no fornecimento de merenda escolar pela empresa IQ Refeições Ltda. O prazo para apresentação de relatório de três meses. Há ainda um débito de R$ 270,1 mil com serviço de telefonia em setembro de 2017.

A aquisição de papel, caneta, apontador de lápis, marcador de texto e gizão também será investigada. Consta ainda na relação de itens suspeitos o aluguel de 17 veículos por R$ 34 mil. Outro débito de R$ 77 mil também envolve aluguel de oito automóveis no período de 18 de maio a 17 de junho de 2017. A locação foi feita com a empresa Tupã Importações Ltda.

A Seduc informou que os contratos estão sendo revistos e os pagamentos foram suspensos. “A nova gestão precisa analisar esse pedido. Precisa verificar se os procedimentos foram realizados, se os produtos foram entregues, para poder efetuar o pagamento. O secretário de Educação Lourenço Braga tem dito, reiteradamente, que esse tipo de análise é normal em mudanças de gestão.  Mas se a comissão apontar que tudo está dentro da legalidade, o fornecedor ou prestador de serviços será pago”, informou a secretaria, em nota.

Seja o primeiro a comentar on "Seduc cria comissão para apurar responsabilidades sobre dívida de R$ 2,6 milhões"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.