São Paulo ameaça W.O. após Conmebol confirmar datas

muricy preocupado

O problema é que agora o São Paulo não consegue voos para a Colômbia, o que fez a diretoria ir para o ataque, ameaçando não jogar contra o Atlético Nacional na próxima quarta-feira (Foto: Divulgação)

SÃO PAULO – A confirmação da Conmebol de que o São Paulo inicia a disputa da semifinal da Copa Sul-Americana no dia 12 de novembro, contra o Atlético Nacional, na Colômbia, abriu uma crise entre o clube e a CBF. Isso porque a diretoria são-paulina alega que a CBF havia garantido que a partida aconteceria apenas no dia 19, já que o dia 12 é “data Fifa” e as equipes colombianas não jogam nesse período.

A princípio, a CBF adiantaria a partida do São Paulo contra o Inter para o dia 12 – o jogo entre os dois, válido pela 35ª rodada do Brasileirão, está marcado para 19 de novembro – e a equação estaria resolvida. Acontece que, segundo o vice-presidente de futebol do clube, Ataíde Gil Guerreiro, a entidade recuou e disse que o confronto em Medellín será mesmo no dia 12.

O problema é que agora o São Paulo não consegue voos para a Colômbia, o que fez a diretoria ir para o ataque, ameaçando não jogar contra o Atlético Nacional na próxima quarta-feira ou entrar em campo diante do Vitória, neste domingo, em Salvador, pelo Brasileirão, com uma equipe mista.

“Temos duas soluções: ou nós entramos com um time misto no domingo contra o Vitória, e acho que a solução principal será essa, e no domingo nós embarcarmos para a Colômbia. Não queremos deixar de ir à Colômbia e seria muito ruim darmos um W.O. por incompetência dos dirigentes da CBF”, criticou Ataíde, em entrevista à ESPN Brasil.

O dirigente do São Paulo também lamentou o que enxerga como jogo de “empurra” entre a CBF e a “televisão” (ele não citou o nome de nenhuma emissora, embora a Rede Globo seja dona dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro).

“Não sabemos se o problema é com a CBF ou com a televisão, porque os clubes não mandam no futebol. Você fala com a televisão e ela diz que não se opõe, você fala com a CBF e eles falam que foi pedido da televisão. O São Paulo não está sendo respeitado. Estou achando que seremos obrigados a entrar com o time reserva em Salvador”, afirmou.

A delegação são-paulina volta ainda nesta quinta-feira do Equador, onde enfrentou o Emelec na quarta pela Sul-Americana, e na tarde de sexta se reapresenta para iniciar os preparativos da partida contra o Vitória. Até lá, a expectativa é de que a situação esteja resolvida.

(Estadão Conteúdo/ATUAL)

This site is using SEO Baclinks plugin created by InfoMotru.ro and Locco.Ro

Seja o primeiro a comentar on "São Paulo ameaça W.O. após Conmebol confirmar datas"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.