Rádios de Belém serão obrigadas a transmitir o momento do carimbó

(Foto; Alessandra Serrão/Comus)

Em 2014, o carimbó foi declarado Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil pelo Iphan (Foto; Alessandra Serrão/Comus)

Da Agência Brasil

BELÉM – A melodia dos tambores, das batucadas expressam a identidade do ritmo que é a cara do Pará. É impossível não se contagiar com o ritmo do nosso carimbó: do genuino Pau e Corda, de mestre Verequete, ao Chamegado, de Dona Onete

Reconhecer e incentivar o gênero musical que recebeu o título de patrimônio cultural imaterial do Brasil, em 2014, é o principal objetivo da Lei Municipal Pinduca, promulgada nessa quinta-feira, 1, na Câmara Municipal de Belém. A partir da próxima semana, as rádios da capital paraense terão que incluir na programação o momento do carimbó.

Seja o primeiro a comentar on "Rádios de Belém serão obrigadas a transmitir o momento do carimbó"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.