Quatro deputados federais que tentam reeleição somam 73 anos na Câmara

Átila Lins é o mais veterano da Câmara federal, com 28 anos no parlamento. Pauderney Avelino e Silas Câmara também somam mais de quatro mandatos e Conceição Sampaio tenta a segunda legislatura (Fotos: Ag. Câmara)

Átila Lins é o mais veterano da Câmara federal, com 28 anos no parlamento. Pauderney Avelino e Silas Câmara também somam mais de quatro mandatos e Conceição Sampaio tenta a segunda legislatura (Fotos: Ag. Câmara)

Por Henderson Martins, da Redação

MANAUS – Dos oito deputados federias do Amazonas eleitos e reeleitos em 2014, apenas cinco buscam novamente a reeleição. Desses, quatro somam 73 anos na Câmara Federal. O campeão de mandatos é Átila Lins (PP), que tenta a oitava reeleição. Ele foi eleito pela primeira vez em 1990. Está há 28 anos no Congresso Nacional. A mais nova em legislaturas é Conceição Sampaio (PSDB), que tenta o segundo mandato.

Palderney Avelino (DEM) é outro veterano na Câmara dos Deputados, onde está há 24 anos. Ele busca o sétimo mandato. Com cinco legislaturas, Silas Câmara (PRB), busca se reeleger pela sexta vez. Ele exerce o mandato há 20 anos.

Gedeão Amorim (MDB), suplente e que herdou a vaga de Sabino Castelo Branco, afastado por problemas de saúde, também busca o segundo mandato, agora como titular. Carlos Souza (PSDB), que também é suplente de Arthur Bisneto (PSDB), não disputará a reeleição. O mesmo ocorre com Hissa Abrahão (PDT) e Alfredo Nascimento (PP), ambos concorrem ao Senado Federal.

Os cinco candidatos terão um caixa reforçado para a campanha deste ano. Juntos, somam R$ 5,922 milhões em arrecadação, conforme dados do Divulgacand (Divulgação de Candidatura e Contas Eleitorais), sistema do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Cada deputado poderá gastar, no máximo, R$ 2,5 milhões.

No quinteto, Átila Lins declarou a maior receita: R$ 1,767 milhão, dinheiro repassado pela Direção Nacional do PP. Na declaração de bens, o deputado divulgou um patrimônio de R$ 2,434 milhões.

Lins declarou gastos de campanha de R$ 138,3 mil com a empresa Orbity Comercio de Material Publicitário Ltda. Epp; R$ 14,6 mil com a CTA – Cleiton Taxi Aéreo Ltda.; R$ 8 mil com a Rico Taxi Aéreo Ltda.; e R$ 4 mil com a empresa Locadora Herfab Ltda.

Conceição Sampaio declarou, até o momento, R$ 1 milhão em receita, dinheiro do Fundo Especial (fundo eleitoral). Na declaração de bens, Sampaio revelou patrimônio de R$ 331,8 mil. A deputada ainda não declarou gastos de campanha.

O deputado Pauderney Avelino (DEM) obteve R$ 750 mil para a campanha, também repassado pelo Fundo Especial. Desse total, o  Diretório Nacional do DEM contribuiu com R$ 500 mil. Outros R$ 180 mil foram doados por Antônio Setin; R$ 40 mil por Jose Ricardo Rezek; e R$ 30 mil por Takashi Nishimura. Pauderney declarou bens no valor de R$ 2,788 milhões.

Sobre gastos de campanha, Avelino revelou despesas de R$ 50 mil com a Filmes 602 Eireli; R$ 25,9 mil com J. V. Derivados de Petróleo Ltda.; outros R$ 12 mil com a Rio Purus Taxi Aéreo Ltda.; R$ 11,8 mil pagos a Mohamed Ibrahim Saad e R$ 4,375 mil à empresa Tapajós Comércio de Perfumaria Cosméticos e Gêneros Alimentícios Ltda.

Gedeão Amorim (MDB) declarou receita de R$ 1,405 milhão, também dinheiro repassado pelo MDB. O parlamentar não fez, até o momento, declarações de gastos.

Silas Câmara (PRB) declarou receita de R$ 1 milhão, sendo R$ 500 mil do PRB e mais R$ 500 mil do Fundo Especial. Em bens, o patrimônio de Silas declarado ao TSE é de R$ 2,166 milhões.

Com despesas de campanha, R$ 147 mil foram pagos à empresa V E Industria Comercio e Serviços Gráficos Ltda. e R$ 116 mil para a E T C Serviços De Marketing e Publicidade – Eireli.

1 Comentário on "Quatro deputados federais que tentam reeleição somam 73 anos na Câmara"

  1. Tomara que nenhum desses sejam reeleito. se Deus Quiser.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.