Prefeito, vice e três vereadores de Humaitá são presos por envolvimento em incêndios

Agentes federais vistoriaram ônibus e carros em operação em Humaitá na manhã desta terça-feira (Foto: PF-RO/Divulgação)

Agentes federais vistoriaram ônibus e carros em operação em Humaitá na manhã desta terça-feira (Foto: PF-RO/Divulgação)

Por Henderson Martins, da Redação

MANAUS – O prefeito de Humaitá-AM, Herivaneo Vieira de Oliveira (Pros), o vice-prefeito Rademacher Chaves (PSD), e três vereadores (Antônio Carlos Martins, Manoel domingos Santos e Aldemir Riça Júnior) foram presos na manhã desta terça-feira, 27, durante a operação ‘Lex Talionis’, deflagrado pela Polícia Feral de Rondônia. A ação foi para coletar provas e prender envolvidos em incêndios que destruíram prédios públicos federais em outubro do ano passado no município.

Os incêndios foram nos prédios do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), ICMbio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade) e Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) durante protesto de garimpeiros.

A PF informou que os ataques ao patrimônio público da União ocorreram em represália à Operação Ouro Fino, coordenada pelo Ibama no Amazonas, contra garimpos ilegais em áreas indígenas e de preservação ambiental.

Conforme a PF, durante as investigações foi possível identificar que garimpeiros, com ajuda de políticos do município, incitaram a manifestação violenta que resultou na destruição de bens públicos da União e de bens particulares de servidores públicos federais. Foram obtidos indícios de que os políticos envolvidos incentivaram os manifestantes a depredaram os bens públicos. A Polícia Federal identificou a participação de vereadores na ação que considera criminosa.

Os danos aos bens públicos causaram prejuízo avaliado em R$ 1,1 milhão. Os crimes investigados (associação criminosa e dano qualificado) preveem penas que somadas podem chegar a 6 anos de prisão.

Seja o primeiro a comentar on "Prefeito, vice e três vereadores de Humaitá são presos por envolvimento em incêndios"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.