No Senado, Vanessa foi a representante do Amazonas quem mais gastou dinheiro do ‘cotão’

Os senadores Eduardo Braga e Omar Aziz votam contra Dilma; Vanessa, a favor (Fotos: Agência Senado)

Gastos dos senadores Eduardo Braga, Vanessa Grazziotin e Omar Aziz estão no Portal da Transparência (Fotos: Agência Senado)

Por Maria Derzi, da Redação

MANAUS – Dos três senadores do Amazonas, Vanessa Grazziotin (PCdoB) foi a que mais gastou o dinheiro da Ceap (Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar) em 2016. A senadora gastou R$ 434,5 mil, conforme consta no Portal da Transparência do Senado Federal. O site também indica que o senador Omar Aziz (PSD-AM) gastou R$ 390.372,08 da verba da Ceap. Já Eduardo Braga (PMDB-AM), usou R$ 293.426,22 do ‘cotão’.

O maior gasto de Vanessa Grazziotin foi com o item “divulgação de atividade parlamentar”, com R$ 125.472,00. Com esse item a senadora fez a maior despesa no mês de julho: R$ 31.792,50, dos quais R$ 14.800,00 foram pagos à Bureau Comercial Ltda. pelo trabalho de divulgação de atividade parlamentar; R$ 10 mil para a Grito Propaganda Eireli-EPP; R$ 2.082,50 para Sprinklr (Brasil) Ltda e R$ 2.000,00 para Marcelo Mauricio Duarte Ferreira.

Em julho, a senadora Vanessa Grazziotin também obteve gastos com locomoção, hospedagem, alimentação e combustíveis, que totalizaram R$ 22.845,45. As principais despesas foram pagas para JS Tavares Turismo Ltda. (R$ 19.200,00), pela locação de veículo para o escritório político. Durante o ano de 2016, os gastos da parlamentar destinados a esse item foram de R$ R$ 121.856,20.

Com passagens aéreas, aquáticas e terrestres nacionais a senadora gastou R$ 99.798,90. Foram adquiridos bilhetes das empresas Latam, Gol e Azul. Em julho, quando ocorreram os maiores gastos nesse item – R$22.207,77— foram emitidos bilhetes para a própria senadora e para os assessores parlamentares Antonio Carlos Marques Souza, Iran de Sena Alfaia, André Marsílio Carvalho e Pinho e Igor Raphael Dantas de Castro.

Também foram ressarcidos pela Ceap R$ 57.213,37 com o aluguel de imóveis para o escritório político em Manaus; R$ 24.500,00 com a contratação de serviços de apoio parlamentar e R$5.750,00 com aquisição de material de consumo, como assinaturas de jornais do Amazonas e compra de material de escritório.

Omar Aziz

Do total de R$ 390.372,08 gastos por Omar Aziz da verba da Ceap, as principais despesas foram com contratação de serviços de apoio parlamentar, no total de R$ 300 mil. Com esse item o senador pagou de janeiro a julho e de outubro à dezembro o valor fixo de R$ 30 mil para a empresa Jefferson L R Coronel – ME pelo serviço de consultoria e marketing, pesquisa de conteúdo, redação postagens e designer para o meio digital, redes sociais, assessoria de imprensa, estrutura de produção, redação, edição e finalização de vídeos.

Omar também gastou, em 2016, com divulgação da atividade parlamentar R$ 61.600,00. O valor foi pago no mês de dezembro para a Jobgraf – Serviços Gráficos Eireli-ME.

Também foram gastos R$ 28.772,08 com passagens aéreas. Deste total, R$ 14.767,82 correspondem as despesas do mês de novembro pagas à empresa Latam para deslocamento nos trechos de ida e volta entre Brasília e Manaus, do próprio parlamentar, acompanhado por Marcelo Carneiro Garcia, identificado como comissionado.  Essa despesa também foi registrada no mês de outubro, no valor de R$ 5.346,54; dezembro, no valor de R$ R$ 6.091,92 e agosto no valor de R$ R$ 2.565,80.

Eduardo Braga

Dos R$ 293.426,22 gastos pelo senador Eduardo Braga, R$ 180.572,00 foram para divulgação da atividade parlamentar. O mês de outubro foi o que representou o período de maior despesa nesse item: R$ 36.084,00. Nos meses de outubro e novembro, o senador pagou R$ 24 mil para a empresa Tinga Produções. Também em outubro foram pagos R$ 10.84,00 para a empresa VM Produção Multimidia Ltda e mais R$ 2 mil para a empresa Fluir Publicidade LTDA. As mesmas empresas constam como fornecedoras desse serviço no mês de maio (R$ 23.984,00) e em de junho, julho, agosto e dezembro, quando foram pagos valores fixos de R$ 24.084 por mês. Nos meses de setembro e novembro foram pagos para essas empresas R$ 12.084,00 com recursos da Ceap.

Eduardo Braga também usou a Ceap para pagar passagens aéreas no total de R$ 112.464,22. O mês de agosto foi o que teve a maior despesa com esse item: R$ 18.887,64 usados na compra de passagens da empresa Gol Linhas Aéreas, Latam Linhas Aéreas e Aviança, com destinos a  Manaus, Guarulhos, Campinas e Brasília. Os bilhetes foram emitidos em nome do senador e do assessor parlamentar Francisco Roberto Duarte da Silva. Já em outubro, o deslocamento do senador e do seu assessor parlamentar restringiu-se ao trecho Manaus-Brasília, quando pagou R$ 18.467,90.

Em maio, Braga também gastou R$ 4.751,62 com passagens aérea no trecho Brasília-São Paulo e Brasília-Rio de Janeiro. Em junho, foram R$ 16.998,00 para Brasília, Manas e São Paulo. Em julho o valor gasto foi R$ 11.888,87 e de R$ 17.472,88 em setembro. Também foram pagos R$ 14.149,27 em Novembro e R$ 9.847,10 em dezembro na compra de passagens aéreas, sendo que nesse último mês constam dois localizadores para passageiros não identificados, sem mencionar os destinos de partida e chegada, que viajaram pela companhia Gol Linhas Aéreas no dia 12 de dezembro.

O senador ainda apresentou o gasto de R$ 360,00 paga pagamento da Editora Ana Cassia S.A. em outubro para pagamento de despesas para aquisição de material de consumo e, de R$ 30,00 para easy taxi no mês de junho.

 

Seja o primeiro a comentar on "No Senado, Vanessa foi a representante do Amazonas quem mais gastou dinheiro do ‘cotão’"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.