Melo e Edilene pagam fiança de R$ 381,6 mil e deixam a prisão

Jose Melo e Edilene Oliveira

José Melo e Edilene Gomes de Oliveira pagaram a fiança de R$ 381,6 mil e deixaram a prisão nesta sexta-feira (Foto: Divulgação)

Por Felipe Campinas, da Redação

MANAUS – O ex-governador José Melo e a ex-primeira-dama Edilene Gomes de Oliveira pagaram a fiança de R$ 381,6 mil e deixaram a prisão às 17h desta sexta-feira, 27. A Justiça aceitou um imóvel de Edilene avaliado em R$ 350 mil e os R$ 31,6 mil foram pagos pela família de Melo.

O valor do imóvel localizado no conjunto Osvaldo Frota, zona norte de Manaus, cobriu 100% da fiança de Edilene e uma parte da fiança de Melo. A partir de hoje o casal será monitorado por tornozeleiras eletrônicas, essa foi uma das condições do habeas corpus concedido pelo TRF1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região).

José Melo estava preso no CDPM 2 (Centro de Detenção Provisória Masculino 2) e Edilene Gomes, no CDPF (Centro de Detenção Provisória Feminino), na BR-174.

Estado de Emergência

José Melo foi preso no dia 21 de dezembro de 2017 durante a terceira etapa da operação Maus Caminhos, denominada Estado de Emergência, que investiga desvio de mais de R$ 110 milhões da saúde pública do Amazonas.

Edilene Gomes de Oliveira teve prisão decretada no dia 3 de janeiro pela juíza federal Jaiza Maria Pinto Fraxe, após o MPF (Ministério Publico Federal) alegar que ela estava destruindo provas e intimidando testemunhas.

O casal é suspeito no âmbito das investigações da Operação Maus Caminhos de praticar crimes de peculato, lavagem de dinheiro, fraude em licitação, corrupção e formação de organização criminosa.

Seja o primeiro a comentar on "Melo e Edilene pagam fiança de R$ 381,6 mil e deixam a prisão"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.