Melo deverá ser ‘termômetro’ para líderes políticos no Amazonas nas eleições

José Melo em ação pública no interior do Estado na época de governador: eleição será teste após prisão (Foto: Bruno Zanardo/Secom)

MANAUS – As eleições de outubro deste ano serão um termômetro para candidatos do grupo político do ex-governador José Melo (Pros), preso pela Operação ‘Estado de Emergência’, desdobramento da ‘Maus Caminhos’. Antigos aliados já se afastaram o máximo possível da relação política com Melo na intenção de dissociar a imagem da do ex-governador. Adversários deverão usar o episódio para desqualificar oponentes que compuseram o governo Melo. O propósito é convencer o eleitor de que não tem ligação com Melo. Essa será uma missão arriscada, considerando que Melo é cria dos grupos políticos que se revezam no poder político no Amazonas há décadas. A imagem de Melo está estampada na ‘cara’ das lideranças políticas no Estado.

Seja o primeiro a comentar on "Melo deverá ser ‘termômetro’ para líderes políticos no Amazonas nas eleições"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.