Mais um blogueiro é multado por propaganda irregular contra Amazonino

Amazonino Mendes questionou na Justiça Eleitoral um vídeo divulgado no Facebook (Foto: Reprodução/Facebook)

Da Redação

MANAUS – O blogueiro Renan Cardoso de Oliveira, que administra o Portal Fiscaliza Manaus, foi multado em R$ 30 mil pelo juiz Bartolomeu Ferreira de Azevedo Júnior, do TRE-AM (Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas). A decisão atende pedido da coligação Eu Voto no Amazonas, liderada pelo candidato à reeleição Amazonino Mendes (PDT).

Os advogados contestaram na Justiça Eleitoral o impulsionamento de um vídeo divulgado na página Fiscaliza Manaus no dia 28 de agosto no Facebook com o título “Mentira tem perna curta”. O vídeo apresenta trechos de uma entrevista que o candidato Amazonino Mendes concedeu a um programa de TV de Manaus.

A publicação já havia sido removida após decisão judicial no dia 29 de agosto. Entretanto, na representação, os advogados não haviam pedido a condenação do proprietário do site.

O juiz Bartolomeu Ferreira Júnior lembra que a legislação só autoriza a propaganda paga na internet quando o conteúdo for gerado ou editado por candidatos, partidos políticos ou coligações. Conforme o juiz, há exceção para pessoas físicas, desde que  seja contratado “impulsionamento de conteúdos”.

O magistrado também afirmou que a palavra “patrocinado”, que indica que a veiculação foi paga pelo proprietário da página, está em desacordo com a Lei Eleitoral.

Seja o primeiro a comentar on "Mais um blogueiro é multado por propaganda irregular contra Amazonino"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.