Lula inocente, Lula livre!

Lula está preso injustamente. A prisão é inconstitucional. Sua condenação foi sem provas de crimes cometidos na primeira instância, em Curitiba, e depois no Tribunal em Porto Alegre. A injustiça continuou quando foi negado pela 5ª turma do STJ e pela maioria do STF, o direito de Lula recorrer em liberdade.

Tudo isso é uma afronta à Constituição Brasileira, que garante o direito à defesa. Determina a Constituição Federal (CF) que “quem acusa, deve provar”. E onde estão as provas? CF determina também que o “transito em julgado”, ou seja, enquanto tiver recursos cabíveis, a pessoa pode recorrer em liberdade quando não oferece nenhum perigo á sociedade.

O que está acontecendo é uma violência contra uma das maiores lideranças políticas do Brasil e do Mundo. São milhões de brasileiros indignados com essa injustiça e a clara perseguição para impedir que Lula seja candidato nas eleições deste ano, visto que está em primeiro lugar em todas as pesquisas.

Na semana passada, com a decretação da prisão ilegal de Lula, feita pelo juiz de Curitiba, milhares de trabalhadores foram ao Sindicato dos Metalúrgicos em São Bernardo do Campo, em São Paulo, para apoiar Lula e muitos não queriam que ele se entregasse. Mas Lula, de cabeça erguida e nos braços do povo, disse que não iria fugir e que continuaria a luta para provar sua inocência e pelos direitos dos trabalhadores.

A prisão ilegal de Lula é um desdobramento do grande golpe contra a Democracia em 2016. Dilma tinha sido reeleita pela maioria do povo brasileiro em 2014. Aécio Neves (PSDB) e os que perderam a eleição, junto com grupos da grande mídia, de setores empresariais e do Judiciário começaram a desestabilizar o Governo Dilma, conspirando contra o Brasil e a Democracia.

Nas ruas, pessoas manipuladas pelos patos da Fiesp e grupos patrocinados por empresas estrangeiras, vestidas de verde amarelo e batendo panelas, bradavam contra a corrupção e culpavam o PT por tudo. Culparam Dilma pelos problemas da economia, mas a acusação era pelas tais “pedaladas”, razão formal para o afastamento da presidenta.

Após o golpe, as “pedaladas” não foram consideradas crime de responsabilidade, mas o STF não restituiu o mandato para a Dilma, eleita democraticamente pelo voto popular. É o Supremo fazendo sua parte no golpe. Na ocasião, o senador golpista Romero Jucá disse que teria um acordo nacional, envolvendo todos os poderes para aplicar o golpe no país, tirando a Dilma, criminalizando as lideranças do PT e impedindo Lula de ser candidato.

Com o golpe, chegou ao poder o “quadrilhão”, termo usado por Rodrigo Janot, composto pelo PMDB (Michel Temer, Renan Calheiros, Romero Jucá, Padilha, Eduardo Braga e outros), PSDB (Aécio Neves, José Serra, Aluisio Nunes, Alckimin, Arthur Neto etc.) e DEM (Pauderney, Agripino e muito mais). Todos acusados pela Lava Jato, que não os atinge, pois estão sendo protegidos pelos parlamentares e pela Justiça.

Recentemente o Supremo impediu de investigar o Aécio Neves (que ameaçou matar um parente e envolvido em malas de dinheiro). A ministra Carmen Lúcia foi o voto decisivo que protegeu Aécio. No caso do Lula, a ministra votou a favor da prisão, mesmo sem prova de crime. Também o presidente golpista Temer, comprou deputados da Câmara Federal para que não iniciasse investigações sobre corrupção, mesmo quando seus assessores foram pegos com malas cheias de milhões de reais. É a justiça protegendo os golpistas.

O golpe levou a retirada de direitos dos trabalhadores, ao desmonte de empresas públicas, à entrega da soberania e do patrimônio nacional. Os golpistas aprovaram o congelamento dos gastos públicos por 20 anos, aprovaram a entrega da exploração do pré-sal  para empresas estrangeiras e isentaram 1 trilhão de reais em impostos.

Fecharam estaleiros, desativando a indústria nacional e o programa nuclear brasileiro. Suspenderam o projeto do submarino brasileiro que faria a vigilância das 200 milhas de mar. Venderam o Satélite Geoestacionário de Vigilância da Amazônia Azul e Verde (suspenso pela justiça).

Liberaram espaço aéreo para as empresas americanas. Tentaram entregar para grandes empresas a RENCA na Amazônia para exploração mineral. Entregaram a Base de Alcântara no Maranhão para americanos. Venderam a Embraer para a Boeing. Querem vender o Aquífero Guarani. Estão querendo privatizar a Eletrobrás, Petrobrás, Correios, Caixa Econômica, Banco Brasil.

Além disso, aprovaram a terceirização total no serviço público e privado, como também a reforma trabalhista, um dos maiores retrocessos de direitos dos trabalhadores nos últimos 50 anos.

Com Lula e Dilma o Brasil atingiu o menor índice de desemprego da história. Hoje, com os golpistas, temos quase 14 milhões de desempregados. E a miséria está voltando. Os golpistas estão diminuindo o Bolsa Família, acabaram com a Farmácia Popular, zeraram os recursos para o Minha Casa Minha Vida popular.

O Amazonas agradece muito ao Lula. Lula prorrogou por 10 anos os incentivos fiscais da ZFM. Dilma prorrogou mais 50 anos. Foram 44 mil casas construídas. São 360 mil famílias no Bolsa Família e mais de 400 médios do Mais Médico. No programa Luz para Todos, são 415 mil famílias beneficiadas. São mais de 20 mil estudantes no Prouni. Quase 100 creches, pré-escolas e expansão do IFAM de 03 para 15 unidades.  Foram milhões de investimentos no Gasoduto, no Linhão de Tucurui, na Ponte Rio Negro, no abastecimento de água em Manaus e muitos outros.

O povo quer o Lula de volta, quer Lula candidato, quer Lula livre. Não aceita a injustiça e a perseguição dos poderosos, da elite do país, que nunca se preocuparam com os mais pobres.

Por isso, em todo Brasil e aqui no Amazonas, todos os dias têm atos públicos e manifestações pelo Lula Livre.

A luta continua!

2 Comments on "Lula inocente, Lula livre!"

  1. queremos lula livre e nosso presidente nao adianta eles acurem o lula de ladrao porque o lula e inocente e nois estamo apoiano o lulala porque nao prende esse temer e esse aecio traidor lula tem amor pelo os pobre e pelo nosso brasil que esta na mao de desses traidor lula 2018 nosso presidente

  2. Almanakut Brasil | 1 de maio de 2018 de 14:26 | Responder

    Lula no Inferno!

    E quem quiser que vá com ele!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.