Embrapa cria arroz resistente à doença que contamina grão

arroz (Foto: Sebastião Araújo/Embrapa)

Após os testes de resistência de arroz no Panamá, os pesquisadores testarão na Colômbia (Foto: Sebastião Araújo/Embrapa)

BRASÍLIA – Uma pesquisa desenvolvida pela Embrapa criou as primeiras linhagens brasileiras de arroz resistentes a principal doença que assola a cultura em diversos países. O estudo utilizou um método de melhoramento genético preventivo, uma vez que a bactéria Xanthomonas oryzae ainda não foi registrada no Brasil.

De acordo com o pesquisador Paulo Hidéo Rangel, melhorista da Embrapa Arroz e Feijão e um dos responsáveis pelo estudo, trabalhar preventivamente ajuda a diminuir os custos e aumenta a eficiência do processo de combate, caso a doença venha a se instalar no Brasil. “Essa doença é muito agressiva. É um estudo que nós estamos fazendo, é um trabalho preventivo. Se um dia essa doença entrar, nós vamos ter materiais resistentes e, ao mesmo tempo, nós vamos desenvolver também técnicas de controle usando algum produto químico”, afirma Rangel.

O pesquisador ressalta que “a ferrugem da soja é um caso que entrou (como) uma doença exótica no país que nos custou e custa até hoje bilhões de dólares no controle.” Para desenvolver as linhagens resistentes, os pesquisadores acessaram o Banco de Germoplasma da Embrapa Arroz e Feijão, que abriga quase 30 mil variedades coletadas em todo o mundo, e realizaram o cruzamento das amostras. Os testes de resistência foram realizados no Panamá, país com ocorrência da doença.

Outros países vizinhos, como Colômbia e Venezuela, que fazem fronteira com estados da Amazônia, também já tiveram registros da bactéria, o que pode facilitar a entrada da doença no Brasil, explica Paulo Hidéo. “Com essa intensificação desses meios de transporte, principalmente avião, é muito fácil desse material entrar. Mas, por exemplo, por via terrestre, Roraima planta arroz e faz fronteira com a Venezuela. Pode entrar por lá por via terrestre.”, disse o técnico da Embrapa. Após os testes de resistência das linhagens brasileiras no Panamá, os pesquisadores pretendem testar o material também na Colômbia.

(ABr/Agência Brasil)

Seja o primeiro a comentar on "Embrapa cria arroz resistente à doença que contamina grão"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.