De bem com o eleitor às vésperas da eleição

placar

(Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

A exemplo do impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), os oito deputados federais do Amazonas votaram também pela cassação do deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Coube à Conceição Sampaio (PP) explicar publicamente no plenário da Câmara, na noite dessa segunda-feira, 12, o posicionamento. Segundo ela, a cassação de Cunha atendia o clamor popular. Ou seja, em véspera de eleição municipal seria um risco contrariar a vontade da maioria do eleitor. Marcos Rotta, que é do mesmo partido de Cunha, e Silas Câmara (PRB), da base aliada do governo Temer, são, respectivamente, candidatos a vice e a prefeito em Manaus. Rotta, inclusive, gravou um vídeo justificando porque votou a favor da cassação e publicou em sua página no Instagram. Ficar de bem com o eleitor foi o mais conveniente, assim como no caso da cassação de Dilma.

Seja o primeiro a comentar on "De bem com o eleitor às vésperas da eleição"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.