Bebidas e gás natural elevam produção industrial no Amazonas, diz IBGE

Produção de gás natural aumentou e impulsionou atividade industrial no Amazonas em junho, segundo o IBGE (Foto: Petrobras/Divulgação)

Da Redação

MANAUS – A fabricação de bebidas no Amazonas liderou a produção entre as atividades econômicas da indústria no mês de junho, conforme dados da PIM (Pesquisa Industrial Mensal) divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta quinta-feira, 9. Junho foi o décimo primeiro mês seguido de crescimento da indústria amazonense, na comparação com igual mês do ao anterior.

O IBGE reúne indicadores de dez atividades da indústria local. Em junho, a fabricação de bebidas foi a atividade que teve o melhor desempenho com 37,5%. A indústria extrativa ficou em segundo lugar com 4,1%.

De acordo com o supervisor de Disseminação de Informações do IBGE no Amazonas, Adjalma Nogueira, a produção de GLP (gás de cozinha) também influenciou na melhoria do setor. “O indicador positivo no mês (comparação com igual mês de 2017), foi potencializado pela maior produção de gás natural, xarope para refrigerantes, cerveja, chope, nafta, óleos combustíveis e gás”, disse Adjalma.

Segundo o supervisor do IBGE, entre as atividade com desempenho negativo o destaque é a fabricação de máquinas e equipamentos (-37,0%) e  fabricação de produtos de borracha e material plástico (-33,0%).

Adjalma disse que o desempenho negativo foi puxado por pré-formas de garrafas plásticas, peças e acessórios de plástico para indústria eletroeletrônica, garrafas, garrafões, frascos e artigos semelhantes de plástico, aparelhos de ar condicionado de paredes e janelas ou transportáveis inclusive (split system), terminais comerciais de autoatendimento e máquinas de distribuir ou trocar dinheiro, e juntas metalplásticas e juntas de vedação mecânicas, em comparação com igual mês de 2017.

Seja o primeiro a comentar on "Bebidas e gás natural elevam produção industrial no Amazonas, diz IBGE"

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.